Ciclo de Tentas Comentadas 2018 de Luxo com Javier Jiménez e Borja Jiménez

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16

Os dois toureiros Javier Jiménez e Borja Jiménez actuaram de forma brilhante no passado fim-de-semana no habitual Ciclo de Tentas Comentadas que se realiza há mais de uma década na Ilha Terceira.

Este ano os aficionados terceirenses, e também outros vindos de Portugal continental, tiveram a oportunidade de assistir a um conjunto de tentas de elevada categoria, quer pela qualidade das reses apresentadas pelas ganaderias locais, assim como, pela forma exímia como toureiros, picadores e bandarilheiros realizaram os tentaderos.

Javier Jiménez e Borja Jiménez, irmãos vindos de Espartinas (Sevilha) evidenciaram notável conhecimento do toiro e seus terrenos, assim como um toureio templado carregado de técnica e sentimento, fazendo deliciar a assistência. Notável também foi a forma como grande parte das novilhas foi colocada para o cavalo de picar dos picadores Simão Neves e José Faveira, em que, na maioria das vezes os toureiros e também os bandarilheiros José Muñoz “Perico” e Gonçalo Toste colocaram as reses com apenas um ou dois lances de capote.

No comportamento das novilhas, a ganaderia de Rego Botelho teve animais de grande qualidade, assim como a de Francisco Sousa apresentou-se com exemplares de boas virtudes. Por sua vez, a de João Gaspar, que apenas participou com duas novilhas durante o ciclo, teve um resultado menos positivo.

Como habitual, o conceituado aficionado Maurício do Vale, regressou à Ilha Terceira, para durante mais um fim-de-semana, entre as praças de tentas das freguesias de São Bento, Doze Ribeiras e Terra-Chã, e também Praça de Toiros Ilha Terceira, voltar a transmitir conhecimentos aos aficionados que assistiram a mais um Ciclo de Tentas Comentadas.

O Ciclo de Tentas Comentadas 2018, este ano organizado pelas ganaderias locais de Rego Botelho, João Gaspar, Francisco Sousa, juntas de freguesia de São Bento, Doze Ribeiras e Terra-Chã, e Tertúlia Tauromáquica Terceirense, e com colaboração da Sociedade Tauromáquica Progresso Terceirense, lembrou ainda o Ex-presidente da Tertúlia Tauromáquica Terceirense Sr. Francisco Noronha, com um sentido minuto de silêncio nas tentas de abertura e de encerramento do ciclo, pelo seu falecimento no passado dia 16 de Outubro.